o livro de satoshi

A COLETÂNEA DE ESCRITOS DO CRIADOR DO BITCOIN SATOSHI NAKAMOTO

Autor: phil champagne

O livro contém a maioria dos escritos de Satoshi Nakamoto, criador do Bitcoin, publicados em e-mails e posts em fóruns no decorrer de pouco mais de dois anos, durante os quais a criptomoeda foi lançada e se estabeleceu. Qualquer pessoa interessada em aprender sobre o Bitcoin e, mais especificamente, sobre os processos de pensamento de seu criador apreciará este livro. Além disso, os organizadores incluíram o capítulo “Como e por que o Bitcoin funciona”, que fornece uma introdução aos seus conceitos-chave e aos princípios fundamentais nos quais ele se baseia.

 

conheça o livro

COMPRAR AGORA

maconha, cérebro e saúde

autores: renato malcher – lopes & sidarta ribeiro

Apesar de sua milenar reputação medicinal e de sua importância como planta de uso recreativo e religioso, até recentemente pouco se sabia sobre os mecanismos de ação da maconha no cérebro e no corpo. Avanços científicos permitiram um maior entendimento sobre os efeitos psicológicos e comportamentais da maconha no ser humano, tornando possível uma maior compreensão sobre os riscos do uso abusivo e seus benefícios como potencial terapêutico.

conheça o livro

cOMPRar AGORA

lançamentos

Os incas, as plantas de poder e um tribunal espanhol

autor: fernando ribeiro / prefácio: leonardo boff

O livro alterna entre capítulos da “Memórias da vida real”, em que é contada a história do Império Inca antes da chegada dos espanhóis, e “Histórias da vida real”, em que se narra a prisão e libertação do autor e seu amigo, Chico Corrente, na Espanha, no ano 2000. Ao viajarem ao Japão, com escala na Espanha, foram detidos por portarem dez litros de ayahuasca.

conheça o livro

cOMPRar AGORA

de vilcabamba
ao céu do mapiá

autor: fernando ribeiro / prefácio: ALEX POLARI DE ALVERGA

O livro alterna entre capítulos da “Memórias da vida real”, em que é contada a história do Império Inca antes da chegada dos espanhóis, e “Histórias da vida real”, em que se narra a prisão e libertação do autor e seu amigo, Chico Corrente, na Espanha, no ano 2000. Ao viajarem ao Japão, com escala na Espanha, foram detidos por portarem dez litros de ayahuasca.

conheça o livro

cOMPRar AGORA

DE VILCABAMBA
AO CÉU DO MAPIÁ

AUTOR: FERNANDO RIBEIRO / PREFÁCIO: ALEX POLARI DE ALVERGA

Na primeira parte, o livro alterna entre capítulos da “Memórias da vida real”, em que é contada a história da chegada dos espanhóis à América e seu encontro com a civilização inca, e “Histórias da vida real”, em que se narra a viagem de retorno do autor à Espanha, dez anos depois de sua prisão. Na segunda parte, o autor faz um paralelo entre o Céu do Mapiá, comunidade do Santo Daime, e Vilcabamba, cidade sagrada dos incas.

conheça o livro

cOMPRar AGORA

COSTURANDO OS RETALHOS

autora: albina luiza autran de mendonça pinto

A história de vida da autora se funde com a história do Santo Daime. Vó Biná narra sua saga por meio do seu contato com diversas pessoas da comunidade Céu do Mapiá, incluindo o fundador da Doutrina, o Padrinho Sebastião. Sua narrativa intercala com hinos da Doutrina.

conheça o livro

cOMPRAR AGORA

Em breve

à margem

Selo dedicado a publicações sobre produção de cultura de rua, como graffiti, poesia, literatura, dramaturgia, beatniks e artistas de vanguarda.

Selo editorial dedicado às produções de cultura de rua, arte marginal e contracultura, como pintura, música, poesia, literatura, teatro, fotografia e filosofia. Grafiteiros, pixadores, punks, MC’s, beatniks e artistas de vanguarda estão reunidos neste selo, que garante oportunidade às vozes contestadoras que vêm das ruas e dos movimentos undergrounds existentes no Brasil e no mundo.

 

MAG MAGRELA

Autodidata e espontânea, Mag Magrela, ou Carolyna Barbara Maciel, nasceu na cidade de São Paulo em 1985, na década em que o graffiti começa, a partir de São Paulo, a ganhar corpo no Brasil. Inquieta e criativa, Mag experimenta, com seu corpo e sua poética, todos os espaços disponíveis que vê pela frente. Popular sobretudo pelos seus graffiti e murais urbanos, ela também se encontrou em telas, esculturas em argila, assemblages, bordados, azulejaria, performances, poesia e na música – alargando suas possibilidades de experimentações artísticas e de pesquisa. A artista se inspira na euforia urbana de São Paulo para transitar por temas que falam sobre culturas brasileiras. Suas personagens convidam todos a contemplarem questões que nos rodeiam: a fé, o profano, o ancestral, a batalha do dia a dia, a resistência, a busca pelo ganha-pão e o feminino – tudo isso sob a ótica de uma artista que nasceu e sempre morou na cidade mais populosa do Brasil.

saiba mais